Um Beirão servido numa caixa mágica! – Loja Licor Beirão
Adicionar ao carrinho

Um Beirão servido numa caixa mágica!

Apesar de os anúncios pintados à beira da estrada fazerem parte do imaginário de cada um de nós, não foi só nesses painéis que a publicidade do Licor Beirão fez história. O licor foi a primeira marca da província (e a segunda marca nacional) a fazer um anúncio na televisão portuguesa. Estávamos em 1957. O spot, que passava na Rádio Televisão Portuguesa – RTP, durava trinta segundos e custou à marca beirã 700 escudos (uma fortuna que equivalia ao ordenado de um professor).

Mais tarde, em 1985, a marca lançou um outro anúncio que retratava a revista à portuguesa. Acompanhado por um pianista e um grupo de coristas, numa canção original, o cantor Tony de Matos, uma das grandes estrelas da década de oitenta, cantava:          

    Num copo de licor

    receita bem antiga

            receção amiga

            ao tio e ao doutor

 

            Num copo de licor

            franqueza e cortesia

            à madrinha e à tia

            e mesmo ao prior

 

            Num copo de licor

            que não vai fazer mal

            há pura doçura

            um pouco de ternura.

E as aparições do Licor de Portugal na caixa mágica não ficariam por aqui. Nos primeiros tempos da televisão em Portugal - meados da década de sessenta, Artur Agostinho e Gina Esteves apresentavam um programa de entretenimento de grande sucesso em Portugal, o “Quem Sabe, Sabe”. Certa vez, Carranca Redondo conseguiu inscrever nove pessoas da Lousã no concurso. E ofereceu a cada concorrente uma garrafa de Licor Beirão para presentear Gina Esteves. Artur Agostinho ia assistindo, cada vez com mais ansiedade, às sucessivas ofertas de licor a Gina sem nunca sem contemplado e a intenção era mesmo essa: “enervar” Artur Agostinho.

Criatividade de Carranca Redondo

Depois de Gina ter recebido oito garrafas, o último concorrente, entra com um garrafão de dez litros e oferece-o a Artur Agostinho, pedindo desculpa pela brincadeira. O apresentador ficou sem palavras com a irreverência da marca que sabia sempre sair da caixa... Mesmo quando estava dentro da caixa mágica!

 

Subscreve a nossa newsletter!

* indicates required

Ver todas as entradas no blog

Compartilhar esta postagem

Co-financiado por: